Translate

17 de junho de 2008

Óleo de murumuru levará energia elétrica à comunidade no Acre


A Eletronorte construiu uma usina de produção de óleo de murumuru numa comunidade isolada do rio Juruá, extremo oeste do estado do Acre, distante uma hora e meia de barco da cidade de Cruzeiro do Sul. O objetivo inicial é a produção de um óleo mais nobre para comercialização, e de biocombustível que vai gerar energia para a comunidade por meio de um gaseificador.

O segundo óleo extraído passará por um equipamento de craqueamento catalítico para transformar o óleo produzido em biocombustível.

Em meio às novas tecnologias para geração de energia o projeto, que já está sendo instalado na comunidade acreana, não deverá criar prejuízos. A cobrança pelo serviço nessas comunidades também é fruto da tecnologia. Desenvolvido pela Universidade Federal do Pará (UFPA), os cartões pré-pagos serão instalados nos relógios de luz das casas. Um crédito de R$ 15,00 dura, em média, três meses.

- Esse tipo de tecnologia, além de trazer mais qualidade de vida para as comunidades, também faz com que se faça economia, afirma o gerente de desenvolvimento Energético das Comunidades Isoladas da Eletronorte, Ércio Muniz Lima.

Segundo pesquisa realizada pela UFPA e pela Eletronorte, parceiras no projeto, hoje as moradores gastam em média de R$ 15,00 a R$ 60,00 por mês com querosene, lamparina e vela.

Gaseificador

Desenvolvido pelo engenheiro mecânico e professor da Universidade de Brasília na (UNB), Carlos Alberto Gurgel Veras, o gaseificador tem como objetivo ser um equipamento útil voltado para as comunidades isoladas."É de fácil construção e pode ser construído em apenas uma semana na UNB", explica.

O gaseificador é movido a qualquer tipo de biomassa (pequenos resíduos de madeira), como por exemplo a serragem, o caroço de açaí, de babaçu, de murumuru e um pouco de óleo que pode ser o produzido pela comunidade. A queima da biomassa produz um gás que alimenta o motor que gera energia elétrica.

O simples dessa tecnologia é que as duas coisas que vão ser utilizadas nessa máquina estarão disponíveis no quintal da casa, completa Gurgel.

0 comentários:

Blogs Favoritos