Translate

24 de agosto de 2006

--> Leia mais...

Espirito elevado...lugar encantado

O Acre tem esta caracteristica, alem de todas as outras bem interessantes, de te colocar frente a frente com muitas possibilidades de trabalhar o EU interior, trabalhar sua espiritualidade, trabalhar a abertura das tais portas da percepcao...de uma maneira orientada, precisa e com resultados muitas vezes gratificantes e energizantes.
Entrar em contato com a floresta, nao a floresta fisica...mas com aquela floresta escondida, aquela que so' se mostra nas escolhidas vezes em que se esta preparado, se esta aberto. As entidades que moram na vastidao verde, que moram ali sem serem vistas, possuem mesmo poderes encantados, possuem uma forca que nossa forca nao capta, que nossa mente normalmente nao tem condicoes de classificar ou processar. Sao entes de poder, de luz e de sabedoria, dispostos a nos levar para lugares mais elevados na nossa mente, lugares onde nao fomos acostumados ou ensinados a normalmente acessar.
Pode parecer totalmente new age o que to falando...e ate eh, pensando bem, pois quando se passa o que se sente pra escrita, a maior parte da emocao, do sentimento, da transcendentalidade se perde, restando aquilo que eh senso comum, aquilo que fica desconectado do que se sente com que se consegue expressar por palavras, nao ha como relatar.
So' mesmo estando frente a frente a estas entidades da floresta, da unica forma em que isto e' possivel, ou seja, estando la dentro da floresta mesmo, com a percepcao aumentada, e orientado por um xama ou um paje, e' que coisas como as que escrevi acima passam a fazer sentido.
Tento me colocar sempre numa posicao critica, imparcial, aquela posicao caracteristica em que cientistas se colocam. E mesmo assim, o poder bate... impressiona, te leva a lugares que somente em miracao voce pode ir...lugares que sempre existiram e sempre visitados por milhares de anos pelos habitantes desta vastidao verde, e que hoje estao acessiveis a mortais como eu.
O que quero dizer e' que nao deixo algum cepticismo inato ou construido pela sociedade em que fui instruido, me impedir de conhecer outras maneiras de descobrir novos caminhos obscuros dentro da minha mente. A mente humana e' o mundo. Aqui dentro esta todas as perguntas e todas as respostas. SEgundo a fisica quantica, nao ha diferenca entre o que vemos e o que lembramos do que vemos, ambos processos ativam iguais regioes cerebrais...se existe uma memoria historica de nosso passado na floresta...este estara la para ser visto e revisto.
Nao ha como explicar a forca da floresta. So ha mesmo uma maneira de sentir esta forca...e' estar na floresta, e' viver a floresta, e' comer da floresta, e' conviver com quem convive com a floresta, aprendendo com que sabe como se conectar com esta forca. Uma conexao espiritual com a floresta e' um trabalho longo, estou me iniciando neste processo, certamente ainda vou muito longe, ao menos e' o que eu espero.
--> Leia mais...

17 de agosto de 2006

GLÓRIA DO DESPORTO NACIONAL
Ó INTERNACIONAL QUE EU VIVO A EXALTAR
LEVAS A PLAGAS DISTANTES
FEITOS RELEVANTES
VIVES A BRILHAAAAAAAARR
OLHOS ONDE SURGE O AMANHÃ RADIOSO DE LUZ, VARONIL
SEGUE TUA SENDA DE VITÓRIA
COLORADO DAS GLÓRIAS
ORGULHO DO BRASIL

O TEU PASSADO ALVI-RUBRO
MOTIVO DE FESTAS EM NOSSOS CORAÇÕES
O TEU PRESENTE DIZ TUDO
TRAZENDO A TORCIDA ALEGRES EMOÇÕES
COLORADO DE ASES CELEIRO
TEUS ASTROS SINTILAN NO CÉU SEMPRE (VIBRA)
VIBRA O BRASIL INTEIRO
COM O CLUBE DO POVO DO RIO GRANDE DO SUL
--> Leia mais...



"PAPAI É O MAIOR,

CAMPEÃO CONTINENTAL.

SOU COLORADO,

DE ALMA LAVADA,

A AMÉRICA É COLORADA."
--> Leia mais...

SOY LOCO POR TI AMERICA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!


SIRVAM NOSSAS FACANHAS DE MODELO A TODA TERRA!!!!!!!!!!!!!!!!!
--> Leia mais...

GLORIA DO DESPORTO NACIONAL

--> Leia mais...

haaaaaaaaaaa COLORADO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

--> Leia mais...

15 de agosto de 2006

--> Leia mais...

Bandas e Bandas em Porto




Nao bastando as atividades do Encontro, o povo do Acre ainda visitou o CECLIMAR (fotos) em Tramandai, o Museu de Ciencia e Tecnologia da PUC, o Jardim Botanico, o Zoologico, a Casa de Cultura Mario Quintana, o Gasometro...
--> Leia mais...

Ja em Porto Alegre, no ENEB




Aqui o povo do Acre bem inturmado, participando das atividades do encontro. - Voce e' do Acre? Serio? Posso te dar um abraco?
--> Leia mais...

Ainda no caminho...




SIm, esta ainda sao cenas das 90 horas ate Porto Alegre. A maior parte das fotos sao dentro dos onibus que enfrentamos pelo caminho. Na pausa para janta, ainda no Acre, Paca com arroz e feijao.
--> Leia mais...

14 de agosto de 2006

CZS - Rio Branco 18horas


http://www.blogger.com/img/gl.photo.gif

Primeiras cenas da viagem, pose do grupo aventureiro junto a balsa do Rio Jurua, bem pertinho da minha casa. A estrada ate Rio Branco e' praticamente isto, terra e terra, com algum asfalto pelo caminho (hora para dormir). ainda do lado de ca do Jurua era o momento de desistir...mas ninguem desistiu.
--> Leia mais...

10 de agosto de 2006

VAI COLORADO DO MEU CORACAO!!!




Sem comentarios, to muito emocionado

fragmento do texto de Andre Mendes Ribeiro Zane

(...)
Para onde tu olhares, verás uma camisa vermelha. Elas se multiplicarão como por obra e graça divina. Nas ruas da cidade. Por onde passares. Em tua mente. Em teu corpo. Use-a. Celebre-a. Ame com ela e a ela. Teus problemas ficam para depois. Teu trabalho fica para depois. Tuas contas ficam para depois. Tua saúde e teu futuro ficam para depois. Tua vida é teu clube e teu clube é tua vida. Respire Inter. Coma e beba Inter. Durma e acorde cada vez mais Inter. Serás colorado antes de seres filho. Serás colorado antes de seres pai, antes de seres marido e mulher. Serás colorado antes de seres humano. Tu és um seguidor. E nada vai te separar na hora mais importante da história de teu time. Da tua história. Da nossa história. Apoie, sempre e incondicionalmente. Cante a pleno pulmão e quando não o tiver mais. Não esmorecerás nunca! Tu nasceste da negação e és filho da persistência. A garra foi criada à imagem e semelhança da torcida colorada.
Em 16 de agosto, tu viverás um dia mágico. Verás uma procissão sem igual. De todos os pagos e rincões, as almas se abalarão até o Gigante. Tu jogarás junto.
Por ti e pela tua família. Pelos que estão vivos e pelos que ainda hão de nascer. Não te preocupes com os que já se foram. Pois eles estarão lá, contigo. O trabalho de um colorado começa nesta vida e continua na próxima.

(...)
Salve, Bodinho, Dom Elias e também o Falcão. Salve, Tinga, Sóbis e Fernandão. Salve, Feijó, Ballvé, Carvalho e os Poppe Leão. Salve, Minelli, Ênio Andrade, Teté e o Abelão.
Salve, ramo de louros, invicto e tri-campeão. Salve, quinta estrela, roubada no Zveittão. Salve, sete Waldomiro, das vaias à redenção. Salve, Célio Silva chutando a bola e o chão. Salve, poeta Nelson Silva. Meu respeito e adoração.
Salve, ao teu Celeiros de Ases, nossa máxima exaltação. Salve, passado alvi-rubro, festa no meu coração. Salve, Rolo Compressor, toda a glória e tradição! Salve, Gol Iluminado, mar vermelho, êxtase e explosão. Salve, velho coreano. Que falta fazes, irmão! Salve, Dunga, Taffarel, Renteria e Perdigão. Por que não? Salve, Librelatto, és anjo rubro e branco junto ao Pai da criação. Salve, Gre-Nal do Século, exemplo de superação. Salve, Fabiano e a inesquecível humilhação. Salve, à Doze, à Fico, à Popular e à Nação! Salve, Salve, à torcida do povão. A maior e melhor desse rincão! Salve, o S, o C e o I, entrelaçados em força e paixão. Salve, Manto Sagrado, objeto de adoração. Salve, Gigante, minha vida e inspiração. Salve, Colorado, muito mais que a religião. Salve, enfim, à América, nossa guerra e obsessão!
E todos salvem a ti, Internacional. Que Deus te ilumine e os céus te guiem em tua maior batalha. Como o filho curvado frente ao pai, eu me ajoelho. Peço a benção e estendo a mão. A ti, rogo essa prece. Te saúdo em oração.
Toda a honra e toda a força, agora, a ti pertencem. Teu legado alvi-rubro será inexorável e eterno como o Tempo. Como o Vento. Defenderei teu nome, tuas cores e tua bandeira. Contra tudo e contra todos. Ontem, hoje e todo o sempre. Nesse mundo e nos outros.
Te dedico a vida e suplico a América.
Em nome de toda a família colorada.
E que assim seja.
--> Leia mais...

7 de agosto de 2006

Voe Rico, se tiver coragem

Volto a escrever deste local aqui onde tenho tempo pra escrever em blogs...o aeroporto. Qual o motivo de eu estar no aeroporto ainda ja que a essa hora eu ja deveria estar em CZS. Simples, o motivo chama-se Rico, a onipresente empresa aerea daqui. O voo pra Cruzeiro, que eu embarquei e tudo, ate que saiu no horario, porem, os Flaps (o freio aerodinamico da asa) nao fechou por completo e o aviao nao ganhou altura...calma, nao sao esta minhas escritas postumas, ainda bem, mas o aviao retornou a Rio Branco, sem antes ficar dando aquelas enjoantes voltinhas no ar...pousamos com situacao de emergencia, varios carros de bombeiros, ambulancias, os jornais (politicos a bordo, rs), divertido mas adrenalizante.

Eu ja havia prometido, mas agora eh lei, nunca mais passo a noite acordado esperando este voo, pelo simples fato que tudo pode acontecer, e o certo eh estar acordado para ver acontecer...como agora ha pouco, que eu dormi quando o comandante explicou o que tava acontecendo, o aviao baixinho voando quase triscando a floresta...dai o povo ate brincou comigo no aviao, da minha excelente tranquilidade em momentos de tensao. Hehe.

Desci do aviao, olhei aquela situacao toda e exclamei: E', eu moro na amazonia!
--> Leia mais...

De onibus para Porto Alegre

Escrevo de um dos lugares onde tenho mais tempo e tranquilidade para postar coisas neste Blog: aeroporto de Rio Branco, na ja classica espera do aviao para Cruzeiro do Sul. Sao agora aqui, duas da manha, em breve o aeroporto esvazia, com a saida do ultimo aviao. Cheguei aqui era meia noite e devo esperar, ate as 9 da manha...daqui a pouco, hehe. Pra quem nao entende porque faco isso, explico. Neste horario nao tem mais onibus para ir ao centro. A distancia daqui ate o centro e' de 10km, mais ou menos. Um taxi cobra, na melhor das hipoteses, 40 reais, so de ida. Como o voo e' as 9 da matina (11 horas de Brasilia), teria que sair muito cedo do hotael ou de seja la onde eu encontrar para passar a noite. Economizo uma grana, e fico por aqui mesmo, principalmente agora que fui informado que existe sim um chuveiro disponivel para banho.!!

Pois e' mesmo, andava sumido por aqui. Estava viajando, naquela que foi uma das aventuras mais impressionantes que ja vivi. Sai de Cruzeiro do Sul, la onde o vento faz a curva, e fui para Porto Alegre de onibus, sim, de onibus. Foram quase 5 mil quilometros, 5 balsas, 5 dias e muito, muito chao brasileiro. Pais Continental? descobri o verdadeiro significado disto que falam. Poe grande nisto, nosso pais eh do tamanho do mundo.

So dentro do ACRE foram 18 horas da BR364. So aqui sao as quatro balsas das cinco. So aqui pudemos comer paca na janta, na parada do onibus. Encher completamente os cabelos, as roupas e as mochilas da poeira acreana, poeira esta que nao acompanhou ate o sul. So neste trecho, a probabilidade de ficarmos empenhados no meio da estrada, atolados no famoso barro tabatinga, ou quebrados sem assistencia, e' encarada de forma divertida e num alto astral, do tipo, temos hora para sair, mas para chegar...so Deus sabe.

Sao muitas coisas para contar desta viagem. Principalmente por eu nao ter ido sozinho, e, nem por vontade propria, por assim dizer. Acompanhei a turma de bixos da Biologia que nunca tinham participado de um ENEB (Encontro Nacional dos Estudantes de Biologia). E', desci com eles este mundao de Brasil, percorrendo praticamente todas as fisionomias de vegetacao brasileira, com excessao da Caatinga. cansativa, emocionante, divertida, longa, divertida de novo, longa outra vez...alguns adjetivos colecionados pelo caminho.

A maior parte dos relatos, e sem duvida a mais interessante, sao os relatos das vivencias e experiencias deles. para eles esta viagem foi uma oportunidade unica de vivenciar e experienciar outros brasis, outras culturas, outros povos, outro tudo. E, serviu para mostrar ao Brasil que nao conhece o Acre que o Acre existe e esta no mapa, e, o mais impressionante, e' que acreanos existem tambem. tanto existem que uma turma de 11 "malucos" (como o Martin, amigo de Porto Alegre gritou quando recebeu o povo la: - Bah Galera, voces sao os mais malucos!).

Espero que eles tenham gostado de tudo isso. Eu senti que foi bom, muito bom. Mas tem aquilo de muita informacao ao mesmo tempo as vezes satura, e causa efeitos aleatorios as vezes nao desejados. Vou esperar para sentir agora eles em CZS. Capaz deles virarem figuras mitologicas junto aos colegas atuais e todos que virao depois. Novo paradigma de estudante na Ufac - Czs.
--> Leia mais...

Blogs Favoritos